ENERGIA EÓLICA

Energia Eólica

O Brasil tem um dos maiores potenciais eólicos do planeta: mais de 71 mil km² do território nacional contam com velocidades médias de vento superiores a 7m/s.

O potencial eólico do Brasil chega a 143 GW (Gigawatts), 11 vezes maior que a potência instalada da Usina de Itaipu. Contudo, o potencial eólico brasileiro, proveniente do Atlas do Potencial Eólico Brasileiro, foi feito com a estimativa do uso de torres de 50 metros de altura.

Atualmente, estão disponíveis no mercado turbinas eólicas de mais de 120 metros de altura, o que permite uma extração maior da energia do vento, aumentando o potencial nacional de 143 GW para 880 GW. Por conta do favorável regime de ventos, os projetos eólicos no país possuem fator de capacidade em torno de 40%. Isso significa que uma usina eólica gera 40% de sua capacidade instalada durante o ano.

Na Europa, por exemplo, o fator de capacidade médio é em torno de 20%. Além de ser uma fonte inesgotável de energia e não emitir gases poluentes, a instalação de parques eólicos permite a co-produção no mesmo terreno, favorecendo outras áreas como a agricultura e pecuária.

A Prowind analisa os dados anemométricos, caso o cliente já tenha a torre de medição e seus resultados, fornecendo o potencial disponível, as direções predominantes e a velocidade média do vento.

A Prowind realiza a instalação de torres de medição desde 2002, com mais de NN torres instaladas em todo território nacional. A escolha do lugar para a instalação das torres anemométricas requer experiência, pois uma escolha errada pode dar resultados incoerentes com os perfis de vento locais.

Além disso, a Prowind também faz manutenção das torres e a análise dos dados
mensurados/medidos. Relatórios mensais são fornecidos ao cliente com os resultados das medições da velocidade do vento, temperatura, pressão atmosférica e umidade relativa do ar.

A escolha do local para implantação de um parque eólico depende das condições específicas do vento, ou seja, se as velocidades médias anuais são suficientes para gerar energia elétrica de forma comercialmente viável. Essas condições são obtidas com a instalação de uma torre de medição.

Com o potencial eólico e local definidos pelos dados obtidos da torre de medição, deve ser elaborado o projeto de Micrositing, no qual é definido o posicionamento dos aerogeradores, tipo de máquina, fabricante, altura da torre, potência instalada, previsão de geração anual e o respectivo fator de capacidade.

Para o projeto do parque eólico, após a realização do micrositing, a Prowind realiza estudos do solo e infraestrutura para o abastecimento da energia, no que diz respeito à distância até a subestação mais próxima e ao plano logístico para a distribuição da eletricidade gerada. O projeto também inclui um estudo ambiental e socioeconômico, de maneira que a usina ofereça o menor impacto possível à região. Além disso, a área deve estar regularizada e com as respectivas licenças ambientais em dia.
Após a conclusão do projeto do parque eólico é feita a orçamentação de todos materiais e serviços necessários para sua implementação. Por fim, é feita a análise da viabilidade econômica do parque.

Shadow flicker é a mudança na intensidade de luz que o aerogerador em movimento causa em estruturas, residências ou no chão, de acordo com o movimento do sol. Algumas preocupações relacionadas ao shadow flicker são a potencialidade de causar náusea, enjoo e desorientação nas pessoas afetadas pelo sombreamento/fenômeno. No projeto de cada parque eólico a Prowind realiza o estudo do sombreamento utilizando um software que calcula e documenta a quantidade de horas por ano e a região afetada pelo shadow flicker.

De forma semelhante ao estudo do sombreamento, é feita a análise do ruído emitido pelos aerogeradores. A partir das informações dadas pelo fabricante, a Prowind análise o nível de ruído na região próxima ao local de implantação da usina eólica.

O impacto visual da usina eólica é levado em conta realizando a simulação gráfica da região após a implantação. A qualidade da simulação gráfica pode ser atestada analisando as duas imagens abaixo. A simulação gráfica se encontra à esquerda, enquanto à direita se encontra a imagem do projeto real após a implantação.

A Prowind realiza o cadastramento de projetos eólicos na Empresa de Pesquisa Energética – EPE, aos empreendedores interessados em participar de leilões de compra de energia elétrica da ANEEL. Para isso, a empresa elabora, certifica e faz todos os cadastramentos necessários junto ao órgão competente.